Conecte-se conosco

Esportes

Ministro Flávio Dino ordena que Polícia Federal investigue fraudes em jogos de futebol

Publicado

O Ministro da Justiça, Flávio Dino, anunciou em entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira (10), que a Polícia Federal (PF) recebeu ordens para instaurar um inquérito com o objetivo de investigar possíveis indícios de manipulação de resultados em competições esportivas. 

“Diante de indícios de manipulação de resultados em competições esportivas, com repercussão interestadual e até internacional, estou determinando hoje que seja instaurado Inquérito na Polícia Federal para as investigações legalmente cabíveis”, publicou o Ministro da Justiça em seu perfil em uma rede social.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) emitiu um comunicado oficial nesta quarta-feira (10), manifestando sua posição em relação às investigações. O presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, enviou um ofício à Presidência da República e ao Ministério da Justiça, solicitando a intervenção da Polícia Federal para centralizar as informações referentes aos casos.

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

A CBF destacou também que não cogita a possibilidade de interromper o Campeonato Brasileiro 2023, e garante que está trabalhando em conjunto com a FIFA e outras entidades internacionais para estabelecer um modelo padrão de investigação. A entidade reafirmou seu compromisso em preservar a integridade do futebol brasileiro e garantiu que seguirá acompanhando de perto os desdobramentos do caso.

SAIBA MAIS
[[(standard.Article) Manipulação de apostas: jogadores do Parazão 2023 foram aliciados por apostadores, afirma fonte]]
[[(standard.Article) Athletico-PR afasta Pedrinho e Bryan após jogadores serem citados em operação do MP de Goiás ]]
[[(standard.Article) Manipulação de apostas: veja a lista de jogadores denunciados na Operação Penalidade Máxima]]

Denúncia do Ministério Público

O anúncio feito pelo Ministro da Justiça, Flávio Dino, nesta quarta-feira (10), ocorreu após a divulgação de uma denúncia do Ministério Público de Goiás (MP-GO) à Justiça, no dia anterior.

Segundo a assessoria de imprensa do MP-GO, a denúncia envolve 16 pessoas suspeitas de fraudes para manipular resultados de 13 partidas de futebol, sendo oito da Série A do Campeonato Brasileiro de 2022, uma da Série B do mesmo campeonato e quatro de campeonatos estaduais de 2023. A manipulação teria ocorrido com o intuito de favorecer apostas esportivas.

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

A denúncia foi assinada por promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e da Promotoria de Combate ao Crime Organizado, e é resultado da Operação Penalidade Máxima II. O anúncio do Ministro da Justiça é uma medida complementar às investigações em curso.

[twitter=1656399474938245128]

“Trata-se de atuação especializada visando ao aliciamento e cooptação de atletas profissionais para, mediante contraprestação financeira, assegurar a prática de determinados eventos em partidas oficiais de futebol e, com isso, garantir o êxito em elevadas apostas esportivas feitas pelo grupo criminoso em casas do ramo, como www.bet365.com e www.betano.com”, apontam os promotores.

“O grupo se vale, ainda, de inúmeras contas de terceiros para aumentar seus lucros, ocultar reais beneficiários e registra a atuação de intermediadores para identificar, fornecer e realizar contatos com jogadores dispostos a praticar as corrupções”, declararam em seguida.

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

A denúncia do Ministério Público de Goiás (MP-GO) envolvendo a Operação Penalidade Máxima II aponta a participação de 16 pessoas, incluindo jogadores de futebol e membros de uma organização criminosa, em fraudes para manipular resultados de partidas com o objetivo de favorecer apostas esportivas.

Dentre os jogadores denunciados estão Eduardo Bauermann, zagueiro do Santos, que foi afastado preventivamente pelo clube após os novos desdobramentos da operação. Outros envolvidos foram Gabriel Tota (Ypiranga-RS), Victor Ramos (Chapecoense), Igor Cariús (Sport), Paulo Miranda (Náutico), Fernando Neto (São Bernardo) e Matheus Gomes (Sergipe).

 

 

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

Fonte: Esporte – OLiberal.com 

Deixe seu comentário

Facebook

Redes Socias

"

Últimas Notícias

Cultura5 dias ago

Barcarena promove Escuta Cultural para implementação da Política Nacional Aldir Blanc

A Prefeitura de Barcarena, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, realizou na manhã desta quinta-feira (18) a...

Notícias6 dias ago

Confissão de Suspeito Impulsiona Investigação e Pode Desmantelar Grupo Criminoso em Ananindeua

Uma recente operação policial em Ananindeua, Pará, desencadeou uma série de desenvolvimentos cruciais na investigação de uma organização criminosa atuante...

Destaque3 semanas ago

Após 6 meses de guerra, Hamas pede desculpas aos palestinos

Em um gesto surpreendente após seis meses de conflito, o grupo militante Hamas emitiu um pedido de desculpas aos palestinos...

Destaque3 semanas ago

Encontro na Amazônia: Lula e Macron protagonizam momento peculiar

Uma série de fotos do presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva com o mandatário francês Emmanuel Macron na visita...

Notícias1 mês ago

Brasil tem quase dois casos por dia de exercício ilegal da medicina

O Brasil registrou quase dois casos por dia de exercício ilegal da medicina nos últimos 12 anos. Os dados foram...

Destaque1 mês ago

Ação sustentável no Hospital Regional em Marabá estimula o consumo consciente de papel

O Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, lançou na última quinta-feira, 21, o...

Destaque2 meses ago

Hospital Regional em Marabá promove ações de conscientização sobre câncer de intestino

Atividades são alusivas ao Março Azul, mês dedicado à prevenção e ao diagnóstico precoce da doença e intensificou orientações na...

Destaque