Conecte-se conosco

Notícias

Instrutor é afastado após disparar tiros à curta distância entre alunos da PMPA

Publicado

A Polícia Militar do Pará (PMPA) confirmou, nesta segunda-feira (8), o afastamento do major Eli Edson Miranda Queiroz, instrutor oficial do Curso de Formação de Praças (CFAP) da instituição. Um vídeo que começou a circular nas redes sociais nesta segunda mostra o militar fazendo disparos de arma de fogo entre os alunos, que estavam lado a lado, separados a poucos centímetros de distância uns dos outros, durante uma aula do curso. A gravação teria sido feita na última sexta-feira (5), na sede do CFAP, que funciona no bairro do Souza, em Belém.

VEJA MAIS

[[(standard.Article) Segurança do Pará ganha reforço de mais 212 policiais civis]]

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

[[(standard.Article) Em Belém, mais de 700 policiais penais tomam posse nesta quarta-feira (3)]]

[[(standard.Article) Heróis da vida real: policiais se destacam com gestos que marcam e inspiram a sociedade]]

Por nota, a PMPA informou que “o oficial foi identificado e afastado preventivamente das funções administrativas, operacionais e de ensino”. “A PM informa ainda que instaurou um Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar a conduta do militar e ressalta que não compactua com comportamentos que firam os protocolos e procedimentos legais de cada atividade por nenhum de seus agentes”, diz o comunicado da instituição.

Conforme trecho de um documento, enviado à reportagem de O Liberal por uma fonte ligada à Segurança Pública, e que decreta o afastamento do policial, para a Corregedoria da PM, o instrutor teria “faltado com o dever de cuidado no tocante ao protocolo de segurança, colocando em risco a integridade física dos alunos durante a instrução”.

Advertisement
📢 Quer ficar por dentro das últimas notícias em primeira mão? Não perca tempo! Junte-se ao nosso canal no WhatsApp e esteja sempre informado. Clique no link abaixo para se inscrever agora mesmo:

Procurado pela reportagem, o promotor de Justiça Militar, Armando Brasil, reforçou que um Inquérito Policial Militar (IPM) foi instaurado para apurar o caso.

Fonte: Polícia – OLiberal.com 

Deixe seu comentário

Facebook

Redes Socias

"

Últimas Notícias

Notícias1 semana ago

Dupla é Presa em Belém Após Roubo de Carro e Sequestro Relâmpago

Na noite da última terça-feira, 14, a polícia prendeu uma dupla de assaltantes no início da avenida Augusto Montenegro, próximo...

Cultura1 mês ago

Barcarena promove Escuta Cultural para implementação da Política Nacional Aldir Blanc

A Prefeitura de Barcarena, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, realizou na manhã desta quinta-feira (18) a...

Notícias1 mês ago

Confissão de Suspeito Impulsiona Investigação e Pode Desmantelar Grupo Criminoso em Ananindeua

Uma recente operação policial em Ananindeua, Pará, desencadeou uma série de desenvolvimentos cruciais na investigação de uma organização criminosa atuante...

Destaque2 meses ago

Após 6 meses de guerra, Hamas pede desculpas aos palestinos

Em um gesto surpreendente após seis meses de conflito, o grupo militante Hamas emitiu um pedido de desculpas aos palestinos...

Destaque2 meses ago

Encontro na Amazônia: Lula e Macron protagonizam momento peculiar

Uma série de fotos do presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva com o mandatário francês Emmanuel Macron na visita...

Notícias2 meses ago

Brasil tem quase dois casos por dia de exercício ilegal da medicina

O Brasil registrou quase dois casos por dia de exercício ilegal da medicina nos últimos 12 anos. Os dados foram...

Destaque2 meses ago

Ação sustentável no Hospital Regional em Marabá estimula o consumo consciente de papel

O Hospital Regional do Sudeste do Pará – Dr. Geraldo Veloso (HRSP), em Marabá, lançou na última quinta-feira, 21, o...

Destaque